Campanhas

Ideias para organizar o seu guarda-roupa

Quem nunca abriu o closet e pensou que tinha tanta roupa… mas nada para vestir? Aproveite estes dias para organizar o seu guarda-roupa e aproveitar ao máximo o espaço disponível.


Um dia-a-dia agitado, aliado à velha máxima de “deixar tudo para depois”, é inimigo de um armário organizado. Vamos comprando novas peças, que acrescentamos às que já temos e, quando damos por nós, estamos novamente no caos da roupa desorganizada e pensar em arrumar o guarda-roupa é um pesadelo.

Por isso, estes dias em há tempo de sobra são per-fei-tos para fazer uma limpeza e deixar tudo impecável. Reunimos algumas dicas e essenciais para conseguir chegar ao closet de sonho.

1. Tire toda a roupa


Comece por esvaziar todas as gavetas e cabides. Sim, a tarefa tem tudo para parecer assustadora e caótica, mas vai ver que vai valer a pena. Espalhe os sapatos pelo chão e as roupas em cima da cama. Depois de ter tudo fora, aproveite para fazer uma limpeza ao armário, gavetas e prateleiras, para se livrar dos odores e deixe as portas e gavetas abertas durante todo o processo de limpeza. Vai ver que vai parecer como novo quando terminar.

2. Guardar, doar e deitar fora


Agora começa a parte (verdadeiramente) difícil: escolher o que fica e o que vai. Contudo, vai ver que este trabalho compensa bastante e, no final, para além de libertar muito espaço, vai ver que será muito mais fácil preparar o #OOTD todas as manhãs.

Guardar


Um dos métodos mais populares de arrumação e organização dos últimos tempos é o método da japonesa Marie Kondo, especialista na “arte de arrumar” e autora de uma série de sucesso da Netflix, Tidying up With Marie Kondo. Para a especialista, este é o passo mais importante, pois é ele que nos permite olhar para o futuro.

Assim, pegue uma das peças de cada vez e analise se o item lhe traz alguma felicidade - se se sente bem e feliz quando o veste. Se a sensação for neutra, coloque-o numa pilha de “dúvidas”; se a sensação for boa, coloque-o na pilha para guardar, mas não as devolva já ao guarda-roupa!

Doar ou vender


Muitas das peças que tem guardadas no seu guarda-roupa estão ainda em bom estado, mas são peças que já não usa (ou até que nunca usou) por algum motivo. Nesse caso, e para diminuir o desperdício, pode doá-las a uma instituição, distribuí-las pelas amigas ou vendê-las a lojas de segunda mão ou online.

Deitar fora


Esta deve ser a solução para as peças que já não estão em bom estado. Roupa já gasta, com buracos, sapatos demasiado estragados… não vale a pena guardar coisas que não voltarão ao seu estado original nem que estão em estado bom o suficiente para serem reaproveitadas.

3. Um lugar para cada coisa, cada coisa no seu lugar


Arrumar não é um projeto, mas sim uma jornada. Por isso, é muito importante garantir que todas as coisas têm um lugar e que cada coisa está (sempre) no seu lugar. Não tenha receio de apostar em organizadores de gavetas, cabides, caixas, baús e outros acessórios para garantir que tudo está arrumado no seu lugar e que não sai de lá.

4. Pendurar a roupa


Escolha as peças que devem ser penduradas - calças, fatos, casacos, saias, peças mais frágeis - e comece a organizá-las no seu guarda-roupa ou closet.

Cabides


Evite arrumar mais do que uma peça num cabide. Para além de evitar que a roupa fique amarrotada, consegue ver todas as peças que tem penduradas e será mais fácil preparar os outfits diários.


Sacos para roupa


Não deixe os seus casacos de inverno, fatos ou vestidos de festa desprotegidos. Arrume-os em sacos para roupa, de modo a protegê-los do pó, odores e evitar que se amarrotem. Junte ao cabide destas peças cartões perfumados, para que mantenham um cheiro agradável durante todo o ano.


5. Organize as prateleiras


Comece por arrumar as peças de inverno, uma vez que será as que irá usar menos esta estação. Dobre bem as camisolas de malha e lã e guarde-as em caixas, nas prateleiras superiores. Dentro das caixas coloque cartões perfumados, para que mantenham um cheiro agradável até ao próximo inverno.

Por baixo das roupas para a estação fria - e caso a sua cama não tenha sommier onde possa guardar estes artigos - arrume as roupas de cama e edredons, que, para ocuparem menos espaço, devem ser arrumados em sacos de vácuo. Uma boa técnica para arrumar os lençóis sem que eles se percam ou se amarrotem, é arrumar todo o conjunto dentro de uma das fronhas. E o seu grande pesadelo são os lençóis com elásticos, saiba aqui como os dobrar.

Logo abaixo destas prateleiras, reserve uma ou duas para as carteiras. Devem ser separadas por tamanho, estilo e frequência de uso. Coloque papéis ou tecidos velhos (pode ser uma boa forma de aproveitar algumas das peças que tinha pensado jogar fora), para que elas nunca percam a forma. Nas prateleiras de baixo pode optar por arrumar os sapatos. Mas lembre-se de os limpar e escovar corretamente. Se possível, guarde-os dentro de caixas (as originais ou outras), com furos, para evitar a formação de bolores e outros odores.

6. Arrume as gavetas


É onde temos a roupa mais “pequena” - e também aquela que se desorganiza com mais facilidade. Por isso, é muito importante usar organizadores, para que tenha sempre tudo separado e organizado, sobretudo para arrumar a roupa interior.



Use também as gavetas para organizar os pijamas, t-shirts e camisolas de meia estação, de modo a que consiga ver facilmente os artigos que tem e manter sempre as gavetas o mais arrumadas possível.

Como dobrar camisolas: